Entrevista com o Fotógrafo Anderson Miranda

0

Anderson Miranda é um fotografo brasileiro nascido em São Paulo, mas vive e trabalha em Curitiba. Além de fotógrafo Anderson é engenheiro e programador, por isso mesmo criou um software, o PhotoManager, vocacionado para ajudar os fotógrafos nas tarefas de gestão do estúdio e do negócio fotográfico Aconselha todos os que pretendem seguir fotografia a se especializarem em uma área, a estudar técnicas, linguagem fotográfica, luz, e não menos  importante: gestão de carreira e administração do negócio. Fique a conhecer mais sobre o trabalho e a carreira de Anderson Miranda nesta entrevista dada ao Fotografia Total.

andersonmiranda

Onde nasceu e onde vive e trabalha atualmente?
Nasci em São Paulo, atualmente vivo e trabalho em Curitiba.
Quando teve o primeiro contacto com a fotografia?
Quando eu era criança, meu pai tinha a fotografia como hobby e ele revelava seus próprios filmes em branco e preto. Mas eu somente tomei gosto pela fotografia já na era digital.
Desde quando e onde começou a sua carreira na fotografia, porque decidiu se tornar fotografo?
Me formei em engenharia elétrica em São Paulo, mas em 2004 me mudei para Florianopolis, no sul do Brasil e comecei a estudar fotografia. No final de 2004 decidi adotar a fotografia como profissão.
Em que área ou género da fotografia se sente mais à vontade ou gosta mais de trabalhar?
No início me dediquei a still e moda, mas no final de 2005 fiz meu primeiro casamento, gostei bastante da possibilidade de ter um olhar próprio e diferenciado  sobre num evento como o casamento, cheio de riqueza de detalhes e sutilezas.

11094-0013
O que considera mais importante para se ser um bom fotografo?
Em primeiro lugar, estudar muito. Buscar coisas novas, dominar a luz e o equipamento.
Onde vai buscar a inspiração necessária para criar o seu trabalho?
Busco muito no cinema e outras áreas da fotografia, como moda, por exemplo.
Como descreve o seu estilo fotográfico?
Espontâneo.
Que tipo de preparação você faz antes de fotografar?
Antes de um evento procuro não ter outra atividade ligada à fotografia, ou atendimento de vendas, por exemplo. Gosto de relaxar e ir a um evento buscando a foto “mágica”.

1146-0736
Que equipamentos fotográficos usa com mais regularidade?
Câmera 5D markIII , lentes 24-70 2.8, 50 1.2, 16-35, 2 a 3 flashs, e ultimamente também as Fuji x100s e XT1 com várias lentes.
Como surgiu a ideia de criar o software PhotoManager?
Além de engenheiro, sou também programador e no meu estudio eu tinha desenvolvido alguns programas para controlar projetos em andamento e emitir propostas. Mais tarde fiz também o financeiro. Mostrando para alguns colegas, eles se interessaram, dai criei a plataforma para que todos utilizassem.
Quais as principais vantagens para os fotógrafos usarem o PhotoManager?
Poder contar com uma ferramenta integrada para controlar os vários processos do estudio: comercial, financeiro, agenda e projetos. Com isso ganha-se tempo e não se esquece nada. O fotografo geralmente tem dificuldades em gestão de negócio e principalmente na gestão financeira. Nosso sistema oferece tudo isso de forma simples e prática.
Que softwares mais usa e aplica na edição do seu trabalho fotográfico?
Lightroom, Photoshop e para os álbuns , o Indesign.

233-0085
Alguma vez esteve numa situação embaraçosa ou engraçada enquanto fotógrafo?
Sim, e foi uma situação muito complicada. Quebrei o braço entre a cerimonia e festa ao fazer retratos do casal. Caí de mal sobre o braço na praia, ao fugir de uma onda que mal se aproximou de nós. Ainda bem que o casamento não ficou prejudicado, pois conto com bons assistentes. Aprendi neste dia a importância de ter backup de tudo: do equipamento e de você mesmo.
Que projectos tem para o futuro da sua carreira na fotografia?
Pretendo desenvolver trabalhos autorais não ligados ao casamento, poder fotografar sem compromisso de resultado, coisa que tenho pouco tempo de fazer atualmente.
Quais são os fotógrafos actuais ou antigos que você mais admira?
Gosto muito do estilo despojado de alguns fotógrafos mexicanos, sobretudo o Fer Juaristi, e a sofisticação de Yervant.

12023-0581
Quais os 5 websites de fotografia que mais frequenta ou recomenda?
Me mantenho informado com PetaPixel, Fotografia-DG, Strobist e faço uma compilação de vários blogs de diversos fotógrafos.
Costuma também fotografar através de smartphone, (iphone ou android)? Se sim quais as aplicações de fotografia que mais usa?
Não, acho muito limitado quando se trata de pouca luz. Eu carrego sempre comigo a Fuji X100s, com WIFI e as vezes público algo no Instagram.
Habitualmente participa em exposições ou concursos/prémios? Se sim quais já participou ou ganhou?
Não participo atualmente. Não concordo com o valor que se dá às premiações da área de casamento. Já participei da WPJA, fui o primeiro brasileiro a ganhar um prêmio lá em 2006.

Casamento Paola e Caio, Castelo do Batel, Curitiba, PR
Como vê o mundo da fotografia atualmente e no futuro?
A fotografia está passando por uma transição (mais uma). Muita gente trocando de profissão, indo para a fotografia. Muitos se preocupam em técnica. Isso é muito bom. Mas pouca gente se preocupa com seu posicionamento no mercado, em valorização de seu trabalho e com gestão administrativa. O resultado é que vejo muitos fotógrafos entrando no mercado, competindo em desigualdade, com preços baixos, atrapalhando quem está estabelecido, e depois de um tempo desiste por falta de visão e má gestão.
Quase todo mundo hoje carrega uma câmera consigo (um smartphone). Todos gostam de fotografar, mas o nível de exigência também diminuiu. Se contentam com imagem de baixa qualidade de um smartphone (fotos tiradas à noite em festas ficam horríveis, mesmo assim publicam nas redes sociais e já ficam satisfeitos com isso).
Num futuro próximo, eu acredito que terão muitos “semi-profissionais” ou profissionais de meio período, com seu emprego, mas que faz um trabalho de qualidade, mas não conseguirão cobrar o suficiente para se manter apenas como fotógrafos. É um fenômeno que já aconteceu em outras épocas e que vai voltar a acontecer.
Que conselhos daria a quem pensa seguir a profissão de fotografo?
Procure se especializar em uma área, estudar técnicas, linguagem fotográfica, luz, e não menos  importante: gestão de carreira e administração de seu negócio.

anderson_miranda

Veja mais trabalhos do fotógrafo Anderson Miranda nos seguintes websites:
Website: www.andersonmiranda.com
Website: www.trashthess.com.br
PhotoManager: www.photomanager.com.br
Facebook: www.facebook.com/GaleriaAndersonMiranda

 

email
Share.

Leave A Reply